5 dicas para dominar o passeio com seu pet | Parte 1

04/09/2015

Se você é conduzido pelo seu cão ao invés de liderar a caminhada, confira algumas etapas a serem seguidas para que seu pet comece a se comportar melhor

Na hora de passear com o cão, muitos donos não conseguem controlar a caminhada e acabam se deixando levar pela empolgação canina. Neste momento, é importante tornar-se o “líder da matilha” para que este seja mais um momento em que ambos possam se divertir. Por isso é importante seguir algumas orientações. Primeiro, observe se seu cão tem um comportamento muito agressivo com outros animais ou pessoas. Se não conseguir ter o controle sobre isso, vale a pena investir em um adestramento com um profissional. Se ele não é um pet violento, confira as instruções para que ele não se torne o líder: 
 

1-   Comece em casa: Se seu pet não está acostumado a usar coleira e guia para caminhar, coloque-o ao seu lado e comece aos poucos em passos lentos. Vá da sala até a cozinha, por exemplo, e ao final recompense com um petisco. Se ele não se comportar bem, retorne ao início e repita essa etapa, assim ele irá aprender a posição correta e como deve caminhar.

2-   Defina o horário e o trajeto antes da partida: tendo sucesso na etapa anterior, agora é hora de ir para as ruas. Inicialmente é recomendado repetir o primeiro procedimento fora de casa também. Escolha horários mais frescos, pois com o calor o chão aquece e pode ferir a pata do seu amigo. Pense em um trajeto que não seja muito longo e cansativo: a sede e o cansaço podem fazer com que ele não se comporte tão bem. Se possível, leve um pouco de água com você.

3-   Mantenha o controle: ande sempre ao lado ou na frente dele, se ele se comportar elogie e recompense com carinho ou um delicioso petisco. Caso contrário, se ele começar a puxar a coleira, use a frustação – simplesmente pare de andar. Cole a mão que segura a guia em seu corpo e assim ele não irá ganhar mais nenhum centímetro com seus puxões, fazendo-o concluir que a atitude não oferece nenhum ganho. Quando ele perceber e ficar esperando, volte a caminhar.

5 dicas para dominar o passeio com seu pet | Parte 2

Voltar